chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

Jesus é retratado como pedófilo e alcoólatra por “sites de humor”


Jesus é retratado como pedófilo e alcoólatra por “sites de humor”

Brincadeiras de gosto duvidoso com a figura de Jesus rendem muitas visitas e críticas a blogueiros

Jesus é retratado como pedófilo e alcoólatra por “sites de humor”

A blogosfera no Brasil tem experimentado uma crescente popularidade. Entre um dos humoristas virtuais dessa nova geração é Maurício Sid, que assina como J.C. Isso mesmo, Jesus Cristo. O lema do seu site de humor www.naosalvo.com é “Não sou o dono do mundo, mas filho do dono… sério”.

Maurício já publicou algumas centenas de reclamações de cristãos ofendidos, muitos prometendo-lhe o fogo do inferno. Mas para ele isso é engraçado. Mesmo assim, colocou um aviso no site “Apesar do tema um tanto quanto blasfêmico… o site não quer ofender a crença de ninguém, (looooooonge de mim) mesmo porque se isso acontecer sugiro que você vá ao canto superior direito e clique no X, tal botão te levará ao paraíso imediatamente”.

Recebendo milhões de visitas todas as semanas, o Não Salvo reflete a cultura do humor escrachado do brasileiro, mesmo quando se trata de um assunto tão delicado quanto religião. Falar mal dos evangélicos não parece ser o seu objetivo, pois trata de muitos assuntos. Criado em 2008, hoje com certeza é um dos mais influentes do Brasil, vide os seus mais de 300 mil seguidores no Twitter.

Mas Maurício não é o único. Um dos Tumblrs (blog essencialmente de imagens e vídeos) mais populares do momento é o www.Jesusmanero.blog.br Seu criador, Vyktor Berriel, diz ser agnóstico e no seu site é possível ver dezenas de imagens antigas representando Jesus, sempre com um diálogo ou uma frase que gera riso em uns e revolta em outros.

Em muitas dessas brincadeiras, Jesus é visto usando linguagem de duplo sentido ou até mesmo palavrões.  Ele é visto como alcoólatra, pedófilo ou um troll (zombador) de primeira. São quase 50 mil seguidores no Twitter e suas imagens são reproduzidas por dezenas de blogs.



A figura de Jesus também “inspirou” o site www.jesusbebado.blogspot.com e sua popular página no Facebook. Embora o nome indique algo diferente, o Jesus em questão não é um alcoólatra. O site assumidamente é “para ateus e livres pensadores”. A maioria dos posts são mensagens ateístas, que questionam ou criticam a fé, além de fazer apologia ao estilo de vida homossexual.

Sobra sempre uma provocação aos evangélicos e católicos devotos. Vez por outra é possível ler alguma notícia (ruim, claro) sobre padres ou pastores. Há uma área do blog dedicada às “confissões”, ou seja, a pessoa pode contar um de seus pecados e eles serão comentados e “perdoados” pelo blogueiro.


Um dos sites mais antigos a usar a imagem do Filho de Deus é o www.jesusmechicoteia.com.br que faz isso desde 2002. O aviso na página principal diz: “Se não gostar de alguma coisa que ler por aqui, a Internet é grande: vá para outro canto e não me encha o saco”.

O site foi criado por Marco Aurélio Góes dos Santos, um ex-evangélico, hoje ateu, que trabalha como roteirista do programa humorístico CQC, da Bandeirantes. Algum tempo atrás, ele se deu ao trabalho de reescrever alguns livros do Antigo Testamento apenas por diversão. Nessa série, que vai de Gênesis até 1 Reis, os personagens bíblicos usam expressões modernas e usam o computador, além de serem bastante desbocados.

O blog já morreu, em 2009, mas ressuscitou e continua no ar embora não seja atualizado com tanta frequência. Mais recentemente passou a ser uma espécie de “diário virtual” de seu dono. Em uma das últimas postagens ele afirma estar com câncer, mas sendo o blog de um humorista fica difícil saber se é verdade.

Nesses sites é possível encontrar, entre as dezenas de comentários, cristãos indignados com o uso do nome e/ou da imagem de Jesus. Muitos usam, inclusive, palavras duras para repreender os blogueiros e reclamarem desse tipo de “humor”.

Ao que parece, o sucesso virtual desse tipo de site mostra o quanto o brasileiro gosta de discutir sobre religião.

Fonte: Gospel Prime
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"