chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Funcionário público protocola petição para que Jesus Cristo interfira na corrupção do Brasil


Funcionário público protocola petição para que Jesus Cristo interfira na corrupção do Brasil

O documento foi entregue a diversos órgãos e traz detalhes de casos de corrupção

Funcionário público protocola petição para que Jesus Cristo interfira na corrupção do Brasil

Para tentar barrar a corrupção na política brasileira um funcionário público teve uma idéia inusitada. Residente na cidade de Dourados, MS, ele resolveu ir a diversos órgãoes fazer uma denúncia enderaçada á Jesus. Sua intenção é pedir para que Cristo tome providências em relação ao Poder Executivo, Legislativo e Judiciário.

José Luiz de Oliveira, o “Zé do Itahum” que já foi vereador da cidade na década de 90 e é hoje bacharel em Direito, enviou um documento que começa assim: “Excelentíssimo Senhor Jesus Cristo pai eterno e poderoso dos seres humanos que existem nesta terra”.

A petição continua pedindo para que Jesus Cristo interfira nos poderes que existem no Brasil, pois a “política tornou-se a arte de se prostituir”. Zé do Itahum também cita que “virou-se prostituição e iniciou-se no Poder Executivo passando para o Legislativo e chegou ao Judiciário”.

O documento tem como objetivo pedir para que o Filho do Senhor  “decrete uma nova lei no mundo em exclusividade no Brasil para que os políticos que cometem crimes de corrupção sejam eliminados da política e confiscados seus bens e doados a entidades e que sejam obrigados a doarem seus órgãos”.

Nesse mesmo documento o funcionário público narra casos de corrupção em seu estado e também em todo o Brasil e também cita os prejuízos que esses desvios de verbas causam para os cofres públicos e para a população.

A petição foi protocolada no Tribunal de Contas, na Câmara Municipal de Campo Grande, na Secretaria de Governo de Mato Grosso do Sul, nos Correios e Tribunais Regional Eleitoral e de Justiça de Mato Grosso do Sul.


Gospel Prime
Com informações Conesul News
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"