chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

terça-feira, 6 de maio de 2014

Lideranças evangélicas participam de encontro em Campo Grande


Lideranças evangélicas participam de encontro em Campo Grande
Encontro na manhã desta quinta-feira. (Foto: Elverson Cardozo)

Diversas lideranças evangélicas e políticas estiveram reunidas no II Encontro de Lideranças de Mato Grosso do Sul que aconteceu nos dias 30 de abril e 1º de maio na sede da Igreja Evangélica de Campo Grande (I.E.C.G.).

O tema deste ano foi “O Grito da Igreja Por Um Novo Brasil” e os participantes assistiram palestras com temas sobre os desafios atuais do cristianismo, atuação das lideranças evangélicas na sociedade, educação, descriminalização das drogas, eleição e outros.

Um dos principais debates do evento discutiu sobre os riscos que correm a família brasileira, listando assuntos como o aborto, legalização das drogas, a legalização da prostituição e o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Os materiais de divulgação do encontro, que é realizado pelo Fenasp (Fórum Evangélico Nacional Ação Social e Política), fala da importância da união das igrejas para combater “as forças do inferno” que lutam para destruir a vontade de Deus sobre os homens.

“Estamos trabalhando na construção efetiva da nossa unidade. O nosso encontro de lideranças evangélicas tem sido um marco para a consolidação desse processo”, diz o texto.

No final do programa um documento foi criada uma carta que será encaminha ao Congresso Nacional fazendo reivindicações dentro desses temas debatidos por pastores e líderes.

“Nossa expectativa é levar ao conhecimento de todas as iniciativas, tanto no Congresso Nacional, como também das políticas públicas, desencadeadas pelos Ministérios do Governo Federal, que ferem a liberdade religiosa e os valores cristãos”.

“Cremos que através de uma ação articulada e verticalizada, conseguiremos frear essas iniciativas e verticalizada, conseguiremos frear essas iniciativas e ao mesmo tempo, sermos propositivos, deixando nossa colaboração em temas como a educação, seguranças pública, social, combate a violência doméstica, entre outros”, diz o texto de divulgação.

Em entrevista ao Lado B, do jornal Campo Grande News, o presidente da Fenasp, Geder Martimiano, diz que o objetivo não é ferir o Estado laico, mas sim impedir que o grito da minoria tire os direitos já conquistados pela maioria da população brasileira.

“É muito divergente. Há muitas opiniões com relação a isso. Não queremos um estado onde todo mundo seja evangélico. Não é essa nossa ideia, mas continuar avançando pelos direitos que já foram conquistados há centenas de anos e que hoje vem sendo cerceados”, disse ele.


Além da Fenasp, o II Encontro de Lideranças Evangélicas de Mato Grosso do Sul conta também com o apoio da AEVB (Aliança Evangélica Brasileira), Apeb (Associação dos Parlamentares Evangélicos do Brasil), Concepab (Confederação dos Conselhos de Pastores do Brasil) e Conpsepa MS (Conselho Estadual de Pastores de Mato Grosso do Sul).

Fonte: Gospel Prime
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"