chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Revista Veja visita igrejas buscando a “cura gay”

Nenhum dos pastores procurados sabiam que se tratava de um jornalista disfarçado que estava gravando a conversa.

Revista Veja visita igrejas buscando a “cura gay”
Revista Veja visita igrejas buscando a "cura gay"

A revista Veja enviou um repórter para visitar algumas igrejas evangélicas se passando por um homossexual que deseja se tornar heterossexual. A pauta tenta ligar as igrejas com o Projeto de Decreto Legislativo 234/2011 chamado pela mídia e por ativistas LGBT de “cura gay”.

O jornalista visitou dez templos religiosos de denominações diferentes pedindo ajuda para deixar de ser gay, nove deles ofereceram orações e tratamento espiritual para socorre-lo.

A única denominação que não ofereceu tratamento foi o Centro de Meditação Cristã localizado no bairro do Brás. A obreira que atendeu ao repórter, Rose Silva, disse que ele não precisava deixar de ser homossexual. “Faça uma oração da libertação para se aceitar, não para se reprimir. Deus ama a todos em sua plenitude.”

Nas demais denominações o discurso foi diferente, com embasamento bíblico os pastores e obreiros explicaram que as Escrituras condenam a prática e que a pessoa precisava buscar em Deus a sua transformação.

“Precisa seguir o ditado bíblico: ‘Vigiai para não entrar em tentação’. É fundamental que o senhor se case para aceitar Jesus, se libertar e não pensar em homem”, disse o pastor Aristides de Lima Santos da Igreja Cristã Pentecostal Independente Maravilhas de Jesus.

O pastor Lourival de Almeida, da Igreja Pentecostal Deus é Amor, ensinou o repórter disfarçado a controlar seus desejos. “Sou homem no sentido heterossexual da palavra. Todo homem é, por essência, polígamo. É preciso ter o próprio domínio para respeitar e honrar a mulher. O mesmo vale para o homossexual: controle seu desejo”.

Em igrejas neopentecostais como a Igreja Universal do Reino de Deus e a Mundial do Poder de Deus, que também foram visitadas, o discurso era participar de sessões de libertação e entrega de ofertas.

“Tem de vir aqui às sextas, dias em que tiramos o capeta do corpo, e aos domingos. Tenha uma Bíblia ao lado da cama. Ore três vezes ao dia, ajoelhado (podemos nos humilhar para Deus). Sugiro ler Isaías, capítulo 44. Fala da aceitação do Senhor. E não deixe de pagar o dízimo”, disse o pastor da Igreja Mundial, Eder Brotto.

Na IURD o discurso foi muito semelhante: “No começo, precisa vir pelo menos quatro vezes por semana à igreja para tirar o capeta do seu corpo. Pagar os 10% do dízimo também é fundamental. É devolver para Deus a graça de você ter ido para o caminho certo.”

Fonte: Gospel Prime
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"