chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Dilma receberá representantes evangélicos, diz ministro

Gilberto Carvalho está intermediando o contato entre a presidente e os líderes de movimentos sociais.

Dilma receberá representantes evangélicos, diz ministro
Dilma receberá representantes evangélicos, diz ministro

Na próxima semana a presidente Dilma Rousseff estará se reunindo com lideranças evangélicas. A data ainda não foi marcada e nem os nomes dos pastores convidados foram revelados, mas a medida foi tomada para tentar impedir a perda de apoio político.

A presidente foi muito criticada por religiosos por ter se reunido com movimentos sociais que lideraram os protestos em todo o Brasil e não ter se encontrado com os evangélicos que fizeram uma manifestação pacífica em Brasília.

Entre os líderes religiosos que reclamaram da falta de diálogo entre o governo e as igrejas está o deputado Marco Feliciano (PSC-SP) que pelo Twitter mostrou muita insatisfação. “Não há explicação para o desprezo e a desconsideração da Presidenta Dilma com o segmento evangélico. Parece que somos marionetes”, escreveu.

O pastor Silas Malafaia também criticou a presidente que se reuniu até com as líderes da “Marcha das Vadias” e não teve o interesse em ouvir os evangélicos. “Povo evangélico, acorda! Dilma se encontra com representantes da Igreja Católica, LGBT, vadias e etc. E nós? Nada! Depois vai querer nosso voto em 2014″.

O responsável por essa ligação entre a presidente e os movimentos sociais é o ministro Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência, que acredita que essas reuniões sejam importantes para debater o que ele chama de “momento nacional”.


Nesses encontros a presidente mostra as estratégias do governo para resolver as reivindicações dos manifestantes. Apresentando respostas e fazendo promessas como investir mais em educação e saúde. Com informações Folha de SP. 

Fonte: Gospel Prime
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"