chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

quinta-feira, 4 de julho de 2013

Igrejas evangélicas oferecem cultos para haitianos em Porto Velho

Atraídos por empregos nas hidrelétricas da região, milhares de haitianos se mudaram para o Brasil.

Igrejas evangélicas oferecem cultos para haitianos em Porto Velho
Igrejas oferecem cultos para haitianos em Porto Velho

A quantidade de haitianos que se mudaram para Porto Velho (Rondônia) nos últimos anos chamou a atenção das igrejas locais que passaram a oferecer reuniões na língua creole, a mais falada no Haiti.

Dados do UOL revelam que desde 2011 cerca de 3.000 haitianos se mudaram para a cidade atraídos pelas ofertas de emprego nas hidrelétricas do rio Madeira. Fugindo da fome que assola o país, o Brasil se tornou um dos principais destinos de quem busca uma vida melhor para suas famílias.

A igreja Assembleia de Deus foi a primeira a criar uma igreja para receber esses imigrantes, localizada no centro da cidade o espaço recebe ao menos 100 fiéis que oram, cantam e ouvem as pregações conduzidas por Pierrelus Pierre, um haitiano que já era pastor da assembleia antes de vir para o Brasil.

Para a BBC ele informou que ministrava em uma igreja na República Dominicana e que veio para o Brasil em busca de trabalho. “Quando cheguei aqui a história mudou”, disse ele que foi convidado pelo pastor Joel Holden para assumir as pregações voltadas para os haitianos.

O pastor brasileiro Evanildo Ferreira da Silva assiste a todos os cultos e atua como um assistente de Pierre. Ele comenta que muito dos novos convertidos são praticantes de vodu e que com muito cuidado o pastor ensina que é necessário abandonar a prática para viver o cristianismo.

Além da Assembleia de Deus outros ministérios estão prestando atenção neste público e desenvolvendo estratégias de evangelização. A Igreja Adventista tem cerca de 30 fiéis haitianos e os ajudam com cestas básicas, pagamento de aluguéis e ainda encaminha os desempregados para vagas de emprego junto aos empresários da igreja.

O pastor Paulo Praxedes comemora ao ver que a vida desses novos membros está mudando. Todos eles já estão empregados e conseguiram comprar celular e bicicleta.

Assim como a AD, a Igreja Adventista de Porto Velho planeja criar uma igreja exclusiva para esses imigrantes, a proposta é que até o mês de agosto o novo espaço esteja funcionando. Com informações UOL.

Fonte: Gospel Prime
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"