chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

domingo, 29 de setembro de 2013

O jovem cristão e a universidade: Quem vencerá?


Pesquisa realizada por Steve Hernderson, presidente do Instituto Christian Consulting for Colleges and Ministries, publicada na Revista Galileo demonstrou que cerca de 58% dos jovens cristãos nos Estados Unidos se afastaram da Igreja ao ingressar à universidadeA pesquisa foi também aplicada dentro das universidades brasileiras e o resultado foi o mesmo.           
      O Vestibular hoje em dia é temido e aguardado por milhões de jovens no mundo todo. Afinal, cursar o ensino superior abre inúmeras portas de emprego e "garante" uma melhor establização financeira para um futuro mais certo. Mas o problema é que os jovens cristão ao entrarem na faculdade costumam se desviar dos ensinamentos cristãos devido a vários motivos entre eles: ensinamentos e contestações acadêmicas científicas que, muitas vezes, fogem da realidade bíblica, pressão do grupo de amigos acadêmicos, falta de firmeza de valores e princípios cristãos etc....
           Hoje em dia é muito comum ver jovens cristãos que ao ingressarem em uma Universidade, passam a ter seu caráter provado, e em meio a essa fase de transição e também cheia de novidades, com novos conhecimentos e novas amizades, se afastam e terminam por se desviarem do caminho do Senhor. Muitos até mesmo ficam céticos e passam a desacreditar em Jesus e em Sua obra redentora, sendo cegados pelo entendimento do século presente, se enxendo de muito conhecimento secular, porém de pouca sabedoria, pois a sabedoria vêm de Deus, e com essa cegueira espiritual o jovem se afasta da fonte de toda sabedoria.
"E os que forem sábios, pois, resplandecerão como o fulgor do firmamento; e os muitos do que ensinam a justiça, como as estrelas, sempre e enternamente. E tu, Daniel, encerra estas palavras e selas esse livro, até o fim do tempo; muitos correrão de uma parte para a outra e o conhecimento se multiplicará." Daniel 12:3 e 4.
         Outro dado preocupante no Brasil: Cerca de 40% dos jovens cristãos permanecem nas igrejas após a Universidade, e apenas 16% sentem-se preparados por seus respectivos ministérios para permancerem firmes na fé após o período universitário, trazendo a tona aquele velho debate sobre a fé cristã e a vivência acadêmica.
         A vida cristã por si só ja é um verdadeiro desafio, afinal "muitas são as aflições do justo, mas Deus o livra de todos" Sl 34:19. Um grande desafio que o cristão enfrenta é o bombardeio intelectual, pois as faculdades expõe os mesmos a pensamentos filosóficos e teorias formuladas por pensadores ateus, agnósticos ou céticos, que colocam as ciências acima de tudo, e fazem críticas duras à igreja e a Deus como Voltaire, Nietzche, Russeou, Maquiavel, Marx, Hans Kelsen entre outros.
        Com essas novas doutrinas e ensinamentos o jovem passa a crer que é necessário que ele amadureça, e nesse processo se afaste de toda crença ou espiritualidade para que de fato venha a conhecer como o mundo funciona. Ensinam que precisam ter uma nova percepção da vida , procurando cada vez mais independência e liberdade para romper com paradigmas e "tabus" estabelecidos e vivenciados anteriormente. A bíblia ensina que a verdadeira liberdade só se tem em Cristo Jesus.  "Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres." João 8:36.  Esses ensinamentos contribuem para o afastamento dos jovens de Cristo, do caminho e de sua missão dada por Deus na Terra. Bem, somado a isso tudo, este impulso e desejo de procurar liberdade e independência é ampliado pela influencia das más amizades que muitas vezes se formam nas Universidades. Essas influências passam a incutir na cabeça do jovem cristão que ele deve "curtir" a vida com festas, álcool e sexualidade deturpada etc....

    O Jovem cristão, dessa forma,  se não estiver firme em Deus, quebra  princípios e valores bíblicos, peca e é levado a se desviar de qualquer propósito de vida estabelecido por Deus.        
        Na universidade o estudante, semanalmente, está repleto de convites para festinhas, barzinhos e showzinhos. O acesso às drogas e todo tipo de vício é fácil. O ambiente é promíscuo, com as roupas indecentes e o comportamento imoral dos alunos. Todo tipo de piada, blasfêmias e ridicularizações são feitas constantemente. Sem falar que é preciso enfrentar o ateísmo e as duras críticas contra Deus, o Cristianismo e a Igreja, feitas pelos professores e escritores.


      Diante dessas situações, muitos cristãos têm tomado uma das seguintes atitudes: ou cedem às pressões com medo da rejeição e zombaria; ou partem para um isolamento total, ficando absolutamente acuados.  
        Mas nenhuma dessas posturas é a correta. Evidentemente o cristão não deve negar sua fé, e tampouco se isolar, se tornando sal insípido que não serve para nada.
Quais devem ser então, as características de um universitário cristão? Vejamos:
      O universitário cristão precisa, antes de tudo, ter profunda convicção da fé em Jesus Cristo. Para isso deve ter comunhão diária com Deus. Precisa de saúde espiritual. Assim ele viverá um cristianismo contagiante. A presença de Deus será perceptível, e seu testemunho poderoso.
      O universitário cristão precisa conhecer a Bíblia a fundo. Na universidade não há espaço para brincadeiras, por isso é preciso saber defender consistentemente a fé cristã.
     O universitário cristão precisa ser um aluno exemplar. Precisa estudar o dobro que os outros. Deve fazer tudo com excelência, se superar, e ser a referência.
     O universitário cristão também precisa compreender o mundo. Não pode ficar apático e indiferente aos temas 

políticos e sociais. Precisa ser atuante. Deve se posicionar diante dos acontecimentos do mundo com uma perspectiva cristã, e influenciar os outros com suas opiniões. Suas idéias devem ser sempre relevantes.
    O universitário cristão precisa se conscientizar que ele é um formador de opinião. Precisamos de escritores, professores, cronistas que interpretem o mundo com uma mente cristã!
     O universitário cristão é um missionário num campus de evangelização. Deve cumprir seu propósito, sua missão dada por Deus neste meio onde Deus permitiu que ele entrasse. Deve pregar a tempo e fora de tempo. Deve ter sempre uma mensagem significativa para os não-cristãos. O universitário cristão tem que ser parecido com Cristo!
     Finalizando, não estou pregando aqui contra o ingresso dos cristãos na faculdades e universidades. Muito pelo contrário. Fiz duas faculdades, um Mestrado e duas pós-graduações no meio secular. Sou plena e totalmente favorável a que TODOS busquem um ensino superior. Estive sujeito a TUDO isso que estou escrevendo. Quero mostrar estas estatísticas alarmantes e os riscos que os jovens cristãos passam dos quais devem cuidar para não caírem. 
      É do mundo acadêmico hoje em dia que estão sendo gerados os grandes líderes mundias, e é apenas nesse meio que adquirimos o conhecimento necessário para influenciar as grandes culturas e ditar os caminhos do mundo, nas esferas políticas, sociais e educacionais! Se os cristãos querem ganhar nações, serem colocados diantes de reis, rainhas e grandes governantes, eles precisam de uma formação superior para galgarem altas posições e cargos.
        Se nos tornamos extremistas e até mesmos religiosos, e não procurarmos uma formação digna e qualificada em uma universidade, por medo de perseguições e do ataque a fé cristã estaremos negligenciando a necessidade de estarmos cada vez mais nas altas esferas poíticas, sociais e educacionais para influenciarmos o mundo em que vivemos! As portas do inferno não irão prevalecer contra a igreja de Cristo, e os seus membros cada vez mais estiverem em posições estratégicas de influência, pois nesta posição podem determinar o que nossa geração ouve, aprende, pensa e acredita e assim mudar o sistemas de valores predominantes e as diretrizes que esses estabelecem para a vida dos nossos jovens.
       Deus nos capacite! Não podemos ser acomodados. Não podemos ser vacilantes na fé. Devemos sim, viver um cristianismo vivo, ousado, consciente e fervoroso!  A bíblia ensina que : "Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós." (Tiago 4:7). O Fato é que muitos jovens cristão ao entrarem na faculdade DESAFIAM o Diabo indo a lugares e participando de reuniões que não deveriam, achando que são fortes o suficientes para não caírem. Uma notícia: se aceitarem o convite JÁ CAÍRAM e PROVAVELMENTE NÃO RESISTIRAM. Da aceitação do convite em diante passam a DESAFIAR o Diabo. Possuem 99,999999 % de probabilidades de perderem o desafio. Pense Nisso.
     Que todos os universitários cristãos possam resplandecer a luz de Cristo! Que nesta sociedade corrompida e depravada, cada um se torne uma referência da vida plena e abundante que há em Cristo Jesus.
    O universitário Cristão vive uma verdadeira guerra de princípios, valores e atitudes. É uma batalha Espiritual. QUEM VENCERÁ? Vencerá o cristão impondo com amor e paciência os valores de Cristo ou Vencerá os prazeres e conceitos que são oferecidos na Universidade? 
UM DETALHE. EU VENCI, PASSEI PELA UNIVERSIDADE, PREGUEI A CRISTO E GANHEI MUITAS VIDAS PARA ELE.
Pr Mozart Lombardo - Criador e Coordenador da REDE ARENA JOVEM

Fonte: Filho Pense
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"