chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

segunda-feira, 5 de março de 2012

“Não somos o tribunal do mundo”, diz assessor da presidente sobre o caso de Yousef Nadarkhani

Para Marco Aurélio Garcia o Brasil precisa ser cuidadoso ao tratar sobre o assunto com as autoridades iranianas

“Não somos o tribunal do mundo”, diz assessor da
 presidente sobre o caso de Yousef Nadarkhani

Na sexta-feira (2) o assessor especial para assuntos internacionais da Presidência da República, Marco Aurélio Garcia, falou sobre o diálogo que o Brasil mantém com o Irã e disse que precisamos ser cuidadosos ao tratar sobre o assunto, pois o país não tem interesse em exportar seus valores.

“Nós não somos tribunal do mundo e não queremos exportar nossos valores. Se as pessoas acharem que os valores da democracia brasileira são importantes, ótimo, mas não vamos criar um paradigma, criar um livrinho e dizer: siga o modelo do Brasil”, declarou.

A fala se dirige ao caso do pastor Yousef Nadarkhani que foi condenado a morte por não negar a Jesus Cristo. Ele se converteu aos 19 anos e se tornou pastor de uma igreja local levando muitos muçulmanos a se converterem. Diante da possível execução, parlamentares brasileiros estão usando a boa diplomacia que o país tem com o governo iraniano para tentar impedir que Nadarkhani seja enforcado.

“O Brasil tem utilizado a negociação como um caminho muito proveitoso queremos continuar fazendo isso de uma forma respeitosa”, falou o assessor. Garcia diz que o Brasil precisa ser cuidadoso para falar sobre o tema para não desgastar essa boa relação diplomática.

Enquanto isso a Comissão de Direitos Humanos do Senado pretende marcar para o dia 20 de março uma audiência pública, solicitada pelo senador Magno Malta (PR-ES), para discutir os motivos que levaram Yousef para a prisão.

Fonte: Gospel Prime
Com informações Gazeta Web
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"