chat da radio gospel hits brasil

Filme: "Renúncia, Suas escolha definem seu futuro"

segunda-feira, 5 de março de 2012

Marcelo Crivella isenta Fernando Haddad de culpa em kit anti-homofobia

Em seu primeiro compromisso como ministro da Pesca o evangélico tenta melhorar a imagem do ex-ministro da Educação

Haddad e Crivella.

O novo ministro da Pesca, Marcelo Crivella, iniciou sua agenda pública no novo cargo defendendo o ex-ministro da Educação, Fernando Haddad, que está disputando as eleições para a Prefeitura da cidade de São Paulo. Crivella garantiu que Haddad não é o “pai” do kit gay.

“Ele (Haddad) jurou com os pés juntos que não produziu (o kit). Disse que foi uma ONG contratada pelo ministério”, disse Crivella durante uma visita a duas colônias de pescadores na ilha de Madeira, região metropolitana do Rio de Janeiro, no domingo (4).

Muito se falava sobre a nomeação do então senador da República (PRB-RJ) que tem ligações com a Igreja Universal do Reino de Deus, dizendo que ele assumiria o cargo para tentar ganhar o voto dos evangélicos da capital paulista. Mas durante seu discurso o ministro diz que não está declarando apoio a Haddad.

“Não estou falando isso porque vamos apoiá-lo. A pesquisa do Datafolha mostrou que estamos em segundo lugar e que o (ex-governador José) Serra (PSDB) tem uma rejeição maior que a nossa. Então, estamos com chance de ir ao segundo turno e precisaremos do apoio do Haddad”, disse.

Crivella se refere à pesquisa Datafolha que foi divulgada no final de semana mostrando que o candidato do PT tem apenas 3% das intenções de votos e que o candidato do partido do ministro da Pesca, Celso Russomanno, tem 19% ficando em segundo lugar. Na mesma pesquisa o candidato José Serra fica no primeiro lugar com 30% das intenções.

Fonte: Gospel Prime
Com informações Hoje em Dia e R7
Ocorreu um erro neste gadget

sate da radio

sate da radio
"Evangelizando Povos e Nações"